Onipress
 

     Antologia Chiclete com Banana - Fascículo 1


Humor Também é História

Esta coleção de 16 fascículos da revista Chiclete com Banana reúne o melhor das 24 edições normais, dos 10 Chicletes especiais e dos 10 títulos da série Tipinhos Inúteis publicados entre 1985 e 1995. Foram mais de 3 milhões de exemplares vendidos. Hoje esgotados, tornaram-se raridades. Das mais de 2.300 páginas produzidas, escolhemos 800 que sintetizam o espírito da revista. São cartuns, quadrinhos, textos e desenhos que têm como marca registrada um humor corrosivo, cínico, anarquista e transgressor sobre as décadas de 1980 e 1990. Doze anos depois, eles transcendem sua época e são uma referência histórica de um mundo que se torna cada vez mais careta. O número 1 de Chiclete com Banana foi às bancas em outubro de 1985, quando entrou em cena a chamada Nova República. Depois de 21 anos de ditadura, os generais trocavam a farda pelo pijama. Cambaleante, o país tentava respirar. Em suas 24 edições, a revista presenciou a volta das eleições diretas, o recuo da sacanagem por causa da aids, a inflação delirante, o movimento punk, o congelamento de preços, o modismo new wave e, por incrível que pareça, quatro moedas circulantes: o cruzado, o cruzado novo, a URV e o real. Num momento em que esses anos voltam numa onda nostálgica que cultua cigarrinhos de chocolate, bonecos Falcon e bandas de rock pífias, esta antologia serve como um contraponto.
 

O Sabor desta Chiclete 1

Bob Cuspe, o legítimo representante nos quadrinhos da onda punk que se instalou na periferia de São Paulo. A história que deu origem à serie Los Tres Amigos, um clássico de Angeli, Glauco e Laerte. Rê Bordosa, a grife feminina dos anos 80. Edi Campana, nosso tarado de plantão. Meiaoito, o último dos comunistas. Penas: uma HQ de Laerte. Angeli em crise: o autor faz sua autocrítica etílico-sexual.

 
Autor e Editor


O AUTOR
Angeli
- Colaborador da Folha de S. Paulo há quase três décadas, faz charge política na página 2 e a série de tiras Chiclete com Banana, onde desfilam dezenas de personagens que hoje fazem parte do imaginário popular brasileiro, como Rê Bordosa, Os Skrotinhos e Wood & Stock, entre outros. É um dos mais importantes e conhecidos cartunistas do País. Seu trabalho influenciou uma geração de artistas nas mais diferentes áreas - TV, teatro, histórias em quadrinhos, cinema, música etc.

O EDITOR
Toninho Mendes
- É jornalista e artista gráfico desde os 15 anos, trabalhou nos jornais independentes Versus, Movimento, na revista IstoÉ e na editora Ática. Em 1984 criou e dirigiu a Circo Editorial que, em seus onze anos de existência, além da Chiclete com Banana de Angeli, publicou também as revistas, Circo de quadrinhos; Geraldão de Glauco; Piratas do Tietê de Laerte e mais de 40 livros de humor. Desde 2000 edita uma série de álbuns de Angeli, Laerte, Alcy, Chico Caruso, Glauco e Paulo Caruso para a Devir Livraria.

 

Principais Personagens
 
Bob Cuspe - Símbolo do movimento punk versão tupiniquim que migrou dos Estados Unidos e da Inglaterra para a periferia e cidades da Grande São Paulo. Nessa história de muita avacalhação, o anti-herói aparece como candidato a um cargo político.
 
Los 3 amigos - Nasceu de uma brincadeira inspirada no filme “Os 3 amigos”, estrelado pelo comediante Steve Martin. Feita a seis mãos por Angeli, Laerte e Glauco, tornou-se um sucesso graças à inventividade e à autodepreciação dos autores.
     
Meiaoito - Entre situações de paranóias e de revanchismo das forças de repressão da ditadura, esse irresistível personagem representa, de certo modo, os temores e as incertezas de uma democracia que dava os primeiros passos para voltar a andar.
   
     

Obras da série

 

Outras Publicações do Autor

Rê BordosaOs SkrotinhosLuke & TantraLuke & Tantra6 mãos bobas

 

Outras Informações
Antologia Chiclete com Banana de Angeli
Periodicidade: Mensal
Capa: Colorida em papel couchê
Miolo: 48 páginas preto e branco
Formato: 20,5 x 27,5 cm.

voltar